sexta-feira, 20 de novembro de 2015

REVOLUÇÃO MUSICAL NO MOXOTÓ


ESCOLA DE VIOLÃO

Dona Socorro Arruda
Esposa de Zé Bernardo
A mãe de Chico Arruda
De João e de Ricardo
Prá Escola de Violão
Outro nome não tem não
Como mãe e vó de Bardo

Quando o Secretário João Lúcio assumiu a SEJECT em 2013 tratou logo de dar um impulso maior à Escola de Violão, pelo fato da mesma ter grande procura. Este impulso vem tendo retorno, pois a mesma, dirigida por Cieldes Brasiliano, vem trazendo Grandes resultados. São sessenta alunos aprendendo as técnicas básicas de execução de violão, cavaquinho e contrabaixo. Alguns são selecionados para compor o Grupo da Escola Batizado de “Feijão com Tudo”. O talentoso e carismático Grupo vem crescendo a cada apresentação e inspirando muitos outras crianças, jovens e adultos a procurar a Escola Municipal de Violão, que tem o nome De Dona Socorro Arruda, professora, mãe de Chico Arruda, grande nome da música sertaniense e um exímio violonista.
Além de apresentações em escolas, o Grupo Feijão com tudo, da Escola de violão de Sertânia apresentou-se este ano no Festival de Inverno de Garanhuns-PE, representando o sertão e divulgando o nome de Sertânia pras seletas plateias de um dos eventos culturais mais importantes do Nordeste brasileiro.

ESCOLA DE BATERIA

Coquinho tem história
No universo da magia
Em música e carnaval
Faz seus rastros de alegria
Por isto é o professor
Na Escola de Bateria

Bateria é um instrumento musical dos mais importantes e charmosos. Dá a quem o executa uma incrível noção de ritmo.  A Escola Municipal de Bateria tem atualmente dez alunos que recebem aulas de Coquinho, um dos melhores ritmistas da Orquestra Marajoara. Os alunos costumam se apresentar  no Grupo Feijão Com tudo e na Banda Municipal Sebas Mariano. “Bateria é um instrumento apaixonante. E as oportunidades no mercado de trabalho são muitas”, afirma Coquinho.

ESCOLA DE MÚSICA DEMÉTRIO DIAS ARAÚJO

Os acordes e compassos
Que bailam na harmonia
Cá na Escola de música
Em sessões de sinfonia
É como se sussurrasse
Que aqui ressuscitasse
Seu Demétrio todo dia

A Escola Municipal de Música Demetrio Dias Araujo, foi criada quando Josessandro Andrade foi Diretor do então Departamento Municipal de Cultura. Na época o mesmo elaborou projeto para o Ministério da Cultura e Sertânia foi contemplada com instrumentos musicais para então reativar a Banda Municipal Sebas Mariano. Um dos primeiros alunos na época foi o hoje secretário João Lúcio.
A Escola Municipal de Música atualmente é coordenada por Terciomar, músico profissional, com vasta experiência em regência de bandas. A mesma tem realizado apresentações em ocasiões solenes e quando convidada nas cidades vizinhas.




Os Versos que ilustram esta reportagem são de autoria do Poeta Josessandro Andrade.

Na quarta e última parte da reportagem vamos saber como uma antiga estação ferroviária virou referência para produção cultural. Mais: conhecer os números e prêmios dessa política cultural referência a todos os gestores municipais.