sexta-feira, 5 de agosto de 2016

CANECÃO OCUPADO

Imagem: Mídia Ninja

O grupo de ativistas da OcupaMinCRJ, que ocupou durante 73 dias o Palácio Gustavo Capanema, sede do Ministério da Cultural no Rio de Janeiro, ocupa agora o templo da música popular brasileira na luta pelo Fora Temer.
A intenção dos ativistas culturais é resignificar o espaço com atividades inclusivas para todos os públicos e levar informações sobre o golpe no Brasil e a necessidade do retorno ao estado democrático de direito durante o período das Olimpíadas, em que o Rio de Janeiro terá uma grande efervescência de turistas.
A Ocupa MinC RJ permanece firme após a reintegração de posse realizada pela Polícia Federal no Palácio Gustavo Capanema, no último dia 25. O grupo permaneceu no prédio durante 73 dias exigindo a saída de Michel Temer após a eclosão de movimento nacional de ocupações a prédios públicos que sediam o Ministério da Cultural, os IPHANs e Funartes.
A ação da PF no prédio histórico no centro do Rio de Janeiro levou ao fim as centenas de atividades que levaram mais de 100 mil pessoas ao local no período. Confira aqui mais sobre a histórica ocupação no palácio.

OCUPAR E RESISTIR

Segundo fontes de nossa equipe, setores mais radicalizados da Frente Brasil Popular, Frente Povo Sem Medo e PSTU estão mobilizando cerca de 60 mil pessoas para atos de protesto durante os Jogos Olímpicos. As mobilizações enfrentarão a super militarização do evento e a controversa Lei Antiterror. O movimento contra o governo interino de Michel Temer enfrenta a censura do comitê organizador da Rio 2016 (exemplos de repressão e censura podem ser conferidos no link ao fim da matéria), além do silêncio de parte da grande mídia.


Via Mídia Ninja, GGN e Equipe Gota D’Água